Tá chegando a hora, amores. Depois de 22 filmes da Marvel apresentando personagens, construindo universo e nos fazendo rir com piadas de qualidade variável, finalmente teremos a conclusão do primeiro arco dos heróis no cinema em Vingadores: Ultimato.

O filme que estreia no final do mês (25 de abril para os esquecidos) terá incríveis três horas de duração e isso não vai ser suficiente para conter todo hype. Para você que não se aguenta mais de ansiedade e quer ver logo a Capitã Marvel chutando a bunda de geral, separamos alguns jogos que vão te deixar no clima de caçar umas Joias do Infinito e derrubar tiranos pseudo-sociólogos espaciais.


6 – Lego Marvel Avengers (Multi)

Nem precisa falar, né? Nessa reta final para o quarto filme dos Vingadores, nada melhor que começar relembrando momentos chaves que marcaram o Universo Cinematográfico da Marvel. Em Lego Marvel: Avengers temos um resumão da história de Vingadores (2012) e sua sequência, A Era de Ultron (2015), com níveis inspirados em filmes chaves das duas primeiras fases da Marvel, como Homem de Ferro 3 (2013) e Capitão América: Soldado Invernal (2014).

Além dos heróis que vemos no cinema, o game conta com diversos outros que só apareceram nos quadrinhos, mas que podem dar as caras muito em breve na telona. A jovem Kamalah Khan aparece como Miss Marvel, por exemplo, o que deve acontecer logo nos filmes, de acordo com Kevin Feige, produtor do MCU. Sem falar na incarnação negra do Capitão América, Sam Wilson, e a Thor mulher que poderiam servir como uma substituição inteligente para Chris Evans e Hemsworth, que estão com os contratos perto do fim. Ou seja, um prato cheio para dar aquela lembrada no que rolou e ir pensando no que está por vir.

5 – Marvel Super Heroes – War of the Gems (SNES)

Pras gamers retrô de plantão, quem lembra quando os Vingadores caçaram as Jóias do Infinito a mando de Adam Warlock no Super Nintendo? Aproveitando que o herói pode ser introduzido nesse filme, de acordo com rumores, nada melhor que mergulhar no passado e reviver essa jóia perdida no tempo.

No jogo, você escolhe entre heróis clássicos do MCU, como Homem de Ferro, Capitão América e Hulk, além de Spiderman e Wolverine. Daí é partir pra porradaria contra horda de inimigos inspirados em outros heróis e vilões dos quadrinhos. As fases em si são meio genéricas, mas nada fora do comum quando comparamos com outros beat’em ups da época. O jogo foi feito pela Capcom em sua época de ouro, quando o estúdio também adaptou outros filmes que ganham live-action esse ano: Rei Leão e Aladdin. Bem que podiam ganhar jogos novos também, né não? Alô dona Capcom. Acorda pra vida, gata.

Essas capas exalam anos 90

4 – Yoshi’s Crafted World (Switch)

Gente, eu sei que pode parecer doideira minha, mas esse jogo tem tudo a ver com Vingadores: Ultimato. Não se deixe enganar pelos visuais fofinhos e infantis, Yoshi é uma máquina de vingança que deve ser respeitada.

No novo jogo da franquia, Yoshi e seus amigos coloridos estavam de boa na floresta quando o maior tirano do Reino dos Cogumelos surge para roubar a poderosa Sundream Stone.

Yoshi e as bijus do infinito

Claro que os Yoshi não vão desistir sem uma luta e após uma batalha sangrenta, a pedra é dividida em cinco Jóias dos Sonhos que são espalhadas pelo mundo. Parece familiar? E se eu te disser que quando completa, a Sundream Stone tem o poder de realizar um desejo de quem a possuir. Qualquer desejo. Com ela, Bowser poderia, por exemplo, transformar metade da população do universo em pó. Só dizendo.

Não to falando que Crafted World é a versão gamística de Vingadores: Guerra Infinita, mas se você está afim de caçar jóias mágicas com seu namorado, esse jogo é uma ótima pedida.

Só ficou faltando a Jóia da Alma nesse jogo, mas isso é porque os Yoshis não tem alma.

3 – Sonic Mania (Multi)

Caso por escolha própria ou decisão do destino seu lance seja caçar jóias mágicas sozinho, Sonic Mania é uma ótima alternativa. A mais acessível da lista, inclusive. Esse jogo está em todas as plataformas atuais e é um dos melhores jogos do Sonic já feitos. O segredo do sucesso é que quem fez esse jogo não foi o fatigado Sonic Team, mas sim uma novíssima equipe de fãs que foi contratada pela  própria SEGA, juntando os estúdios PagodaWest Games e Headcannon.

Nesse jogo, controle personagens de diferentes eras do ouriço por fases que ora homenageiam o passado, ora celebram o futuro. Lembra aqueles rumores que teria viagem temporal envolvida em Ultimato? Dá para explorar bem essa ideia aqui. O game é uma carta de amor aos clássicos do ouriço azul e um ótimo ponto de entrada para novatos. Ah… E qual é o objetivo do jogo? Recuperar as Esmeraldas do Caos roubadas por um grande tirano, claro.

2 – Marvel vs Capcom Infinite (PS4/XONE/PC)

Não podia faltar a maior franquia de luta da Marvel. A mais recente iteração da série é também a maior atrocidade estética desta lista, mas não deixe isso te intimidar. Marvel vs Capcom: Infinite acertou em cheio onde conta, que é na porradaria. Acha que as lutas dos filmes são muito curtas ou queria combinações diferentes de heróis trocando porradaria? Então esse jogo é exatamente o que você precisa.

Thanos está de volta para destruir toda forma orgânica tanto do universo Marvel, quanto da Capcom e só nossos heróis podem impedi-lo. Isto é, junto dos heróis da Capcom, claro. Mesmo com uma história bem fraquinha comparando com os filmes, só o fato de você poder juntar Mega Man X e Capitão América contra Ryu e Hulk numa mesma luta já vale bastante a pena. Somado ao fato de você poder escolher uma Jóia do Infinito para usar em cada partida, é praticamente o jogo perfeito para se preparar para Ultimato.

1 – Super Smash Bros Ultimate (Switch)

Agora, se quiser a melhor experiência Vingadores Ultimato que existe nos jogos, basta olhar pro crossover mais ambicioso da história. A semelhança tá ali logo no nome. Sem sombra de dúvidas, Super Smash Bros. Ultimate é a maior reunião de heróis dos videogames e a história traz bastante semelhanças com sua contrapartida dos cinemas.

Para começar, logo no início do modo história do jogo uma criatura espacial aparece e, com um estalo, oblitera completamente todo elenco do jogo. Nada de metade para criar equilíbrio aqui não. Todos os 74 personagens são destruídos logo no prólogo, exceto um — Kirby. Cabe a nosso adorável glutãozinho rosa resgatar seus amigos do destino cruel, assim como Capitão América e sua equipe no novo filme da Marvel. Para saber como Kirby consegue grande feito, Super Smash Bros. Ultimate já está disponível para Nintendo Switch. Já para saber como Tony Stark vai reunir a galera, não tem jeito. Resta apenas esperar a estreia de Vingadores Ultimato nos cinemas brasileiros dia 25 de abril.

Show Full Content
Previous QAG Ícones: Conversamos com Fred Cassar sobre feels, futuro e Nocturne
Next Distopia Brasil: uma experiência imersiva
Close

NEXT STORY

Close

Crítica – Inusitado e direto! Pantera Negra renova filmes de heróis

17 de fevereiro de 2018
Close